Meu filho ronca desde quando nasceu. O que devo fazer?

Meu filho ronca desde quando nasceu. O que devo fazer?

 

 

P: Meu filho tem 1 ano e 10 meses e ronca praticamente desde quando nasceu. O pediatra disse que é normal, mas acho estranho um bebê roncar. O que devo fazer? 
Dra.: Recém-nascidos podem ter um pouco de obstrução nasal e espirrar até completarem 3 meses. Isso às vezes dificulta na hora de mamar. Por isso, muitos pediatras orientam a limpeza nasal com soluções fisiológicas. Após esse período,em geral as crianças respiram sem fazer barulho– a não ser em caso de resfriado ou gripe. Depois dos 2 anos, a maior causa de ronco é o aumento das amígdalas ou da adenoide, que podem obstruir as vias aéreas. Vale investigar esse sintoma e observar se seu filho consegue dormir ou se o sono fica entrecortado por conta da respiração. Também veja se ele está se desenvolvendo bem, comendo e ganhando peso e se apresenta infecções repetitivas de vias aéreas. Todas essas circunstâncias devem ser levadas em conta na hora de conversar como pediatra.

 

P: Meu filho tem 3 anos e 5 meses, é alérgico a múltiplos alimentos como leite, soja, trigo e amendoim, e também tem rinite e asma. Acho ele muito magrinho, apesar de se alimentar bem nas refeições. Ele está com 13 kg e 98 cm e toma cálcio todos os dias. Parece que o organismo não absorve os nutrientes. Minha dúvida é: além da restrição aos alimentos e do cálcio, é necessária alguma outra intervenção? 
Dra.: A massa corpórea de seu filho é 13,9. Isso significa que ele está com o peso no limite inferior para a altura, proporcionalmente à sua idade.Muito provavelmente essa característica se deve ao fato de que ele é alérgico a muitos alimentos, o que o obriga a uma restrição alimentar. Ainda assim, ele pode ser considerado como magro e normal. Como ele está em fase de crescimento, sugiro que você converse com uma nutricionista, que certamente é a profissional mais habilitada para orientar o consumo proteico e energético de seu filho, para garantir seu crescimento e desenvolvimento adequados.

 

P: Na 28ª semana de gravidez, descobri que meu filho, hoje com 9 meses, tinha hidrocefalia. Quando ele nasceu, não foi preciso drenar porque o problema era leve. Aos 3meses, fez ressonância e nada havia mudado. Há pouco tempo, percebemos que ele não sustentava o corpo, não engatinhava e a mão direita ficava esquecida. O neurologista diz que o problema é motor e não tem relação com a hidrocefalia. Estamos na fisioterapia há dois meses, mas os profissionais dizem que haverá sequelas…
Dra.: O desenvolvimento motor das crianças geralmente ocorre da cabeça em direção aos pés. Isso significa que os pequenos firmam a cabeça por volta de 3 meses, sentam sozinhas com 7, engatinham com 9 e andam com 1 ano.Mas isso é uma média, pois algumas crianças adquirem essas habilidades um pouco antes ou depois. No caso específico do seu filho, é difícil emitir uma opinião sem examiná-lo e avaliar os exames. Sugiro que, se você está com dúvidas, converse e esclareça suas questões com os médicos que o assistem: pediatra e neuropediatra. Não saia da consulta insegura. Essa é a melhor ajuda que posso dar.

 

Por ANA MARIA ESCOBAR é professora de pediatria da Faculdade de Medicina da USP e clinica há 30 anos. CRM: 48084

 

 

Não deixe de conferir nossa FanPage: www.facebook.com/Dailybaby

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *